Logo da Pinacoteca

Apoie

Ingressos

Logo da Pinacoteca

Partituras: ativação da exposição “José Damasceno: Moto-contínuo”

A Pinacoteca de São Paulo, museu da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, divulga o vídeo  Partituras: ativação da exposição “José Damasceno: moto-contínuo”, uma intervenção artística inédita criada pela coreógrafa Julia Abs na exposição que está na Pinacoteca Estação, José Damasceno: Moto Continuo.

A partir de um convite do museu,  Julia Abs desenvolveu as  “partituras coreográficas”, que neste caso servem como um roteiro para composição de uma coreografia de dança.  No vídeodança, os movimentos corporais resultam dessas interpretações gráficas inspiradas nas obras de Damasceno. “As partituras interrelacionam desenho e dança. São gráficas, textuais e com instruções de base numérica, que podem ser executadas, desmanteladas e reavaliadas pelos coreógrafos durante a ação“, explica Abs. A produção está disponível abaixo.

A concepção desse desdobramento da exposição é fruto das pesquisas promovidas pela Pinacoteca na busca de fomentar experiências transdisciplinares em sua programação.

A ativação artística tem a coordenação de Horrana de Kassia Santoz, Curadora do programa  Ivani e Jorge Yunes Curadora de Pesquisa e Ação Transdisciplinar, parceria da Coleção Ivani e Jorge Yunes com a Pinacoteca.  A coreografia é assinada por Julia Abs, com a colaboração de Thelma Bonavita. Além de Abs, também dançam no vídeo  Juliana França e Pedro Galiza. A trilha sonora original é do produtor holandês de techno Jeroen Search. O figurino é de Valentina Soares, já a videografia ficou a cargo de Renata Mosane e Henrique Rodriguez.

Na Pinacoteca Estação, José Damasceno: moto-contínuo segue em cartaz até 30 de agosto de 2021. A mostra, com curadoria de José Augusto Ribeiro, é a primeira a reunir um número representativo de obras da carreira do artista desde o início até aqui, com peças realizadas entre 1989 e 2021. Damasceno é um dos artistas brasileiros com maior inserção no circuito internacional de arte contemporânea. A exposição abrange cerca de 80 obras, cinco delas inéditas e 40 apresentadas pela primeira vez em São Paulo. Os ingressos são gratuitos com reserva pelo site www.pinacoteca.org.br

Confira o vídeo completo:

Serviço

Ativação artística: Partituras: ativação da exposição “José Damasceno: moto-contínuo”

Coordenação da ativação: Horrana de Kassia Santoz
Coreografia: Júlia Abs
Perfomers: Júlia Abs, Juliana França e Pedro Galiza
Colaboração: Thelma Bonavita
Videografia: Renata Mosaner e Henrique Rodriguez
Trilha Sonora: Jeroen Search
Colaboração/Figurino: Valentina Soares (Mescla)

 

José Damasceno: Moto-contínuo
Curador responsável: José Augusto Ribeiro
Período: até 30.08.21

Pinacoteca Estação

Endereço: Largo General Osório, 66 – Santa Ifigênia
Ingressos Gratuitos, com reserva pelo site www.pinacoteca.org.br.

 

Júlia Abs

Júlia Abs é coreógrafa, performer, curadora e professora. É mestranda em teoria e crítica de arte pela Universidade de São Paulo (USP), e realiza sua pesquisa sobre as linguagens da dança e da coreografia em museus. Atuou como coreógrafa e performer no grupo de dança Vitrola Quântica entre 2008 e 2013. Abs desenvolve uma metodologia própria no ensino da história da dança e das artes visuais, que envolve a noção de corporificação do conhecimento.

Pinacoteca de São Paulo

A Pinacoteca de São Paulo é um museu de artes visuais com ênfase na produção brasileira do século XIX até a contemporaneidade e em diálogo com as culturas do mundo. Museu de arte mais antigo da cidade, fundado em 1905 pelo Governo do Estado de São Paulo, vem realizando mostras de sua renomada coleção de arte brasileira e exposições temporárias de artistas nacionais e internacionais. A Pinacoteca também elabora e apresenta projetos públicos multidisciplinares, além de abrigar um programa educativo abrangente e inclusivo.