Logo da Pinacoteca

Apoie

Logo da Pinacoteca

Debret – Vasco Araujo

16 mar 2013
25 ago 2013
No contexto do Ano de Portugal no Brasil, a Pinacoteca de São Paulo, instituição da Secretaria de Estado da Cultura apresenta a exposição Debret do artista português Vasco Araújo (Lisboa, 1975) em que o artista propõe uma interpretação contemporânea das relações sociais entre brancos e negros, portugueses e africanos, senhores e escravos no Brasil do século XIX. A instalação é composta por sete esculturas, sendo cada uma constituída de uma mesa, ovos e figuras modelados pelo artista e citações do Padre Antonio Vieira. As figuras retratam ações entre brancos e negros reveladoras da relação sexual e social dos mesmos. A inserção das figuras em ovos aponta para uma face imperialista e despótica da colonização, de onde resulta a criação de uma nova raça (mulata). A associação da obra com as citações do Padre Vieira induzem a uma releitura que se insere no atual discurso pós- colonialista. A exposição também apresenta gravuras de Jean Baptiste Debret realizadas entre 1834 e 1835 cujos temas abordam as mesmas questões do artista contemporâneo.

Vasco Araújo, nasceu em Lisboa, em 1975, cidade onde vive e trabalha. Em 1999 concluiu a licenciatura em Escultura pela FBAUL., entre 1999 e 2000 frequentou o Curso Avançado de Artes Plásticas da Maumaus em Lisboa. Desde então tem participado em diversas exposições individuais e colectivas tanto nacional como internacionalmente, intregando ainda programas de residências, como Récollets (2005), Paris; Core Program (2003/04), Houston. Em 2003 recebeu o Prémio EDP Novos Artistas.