Tipo: Cursos | Local: On-line

Cursos: Curso Arte na América Latina: reivindicações e proposições 

Data Início Cursos 18 de setembro de 2023 - Data Término Cursos 27 de setembro de 2023

Inscrições Início Cursos 16 de agosto de 2023 - Inscrições Término Cursos 16 de setembro de 2023

O curso tem como objetivo oferecer um panorama da arte latino-americana nos séculos XX e XXI, por meio da apresentação, análise, contextualização e discussão de trabalhos artísticos produzidos na Argentina, no Brasil, Chile, Colômbia, Cuba, México, Peru, Uruguai e na Venezuela. Abordaremos esses trabalhos a partir de questões e movimentos que marcaram o território cultural e político desses países, suas dimensões locais e transnacionais, seus vínculos com a história e a memória, suas expectativas e projeções de futuro.

Ao longo das aulas, veremos diferentes aspectos do modernismo, que implicou revisões do passado, apostas em transformações sociais e novas construções no plano das linguagens e da cultura. Abordaremos a disseminação da arte abstrata e concreta e suas conexões com o experimentalismo a partir dos anos 1960, bem como o conceitualismo e seus desdobramentos contemporâneos, o que nos proporcionará uma visão abrangente da arte latino-americana e meios para uma compreensão mais aprofundada de suas relações com o mundo atual. 

ESTRUTURA: curso de formação, online, das 19h às 21h.
PÚBLICO-ALVO: professores, pesquisadores e público geral interessado em arte contemporânea latino-americana.
FORMATO: online
NÚMERO DE VAGAS: 250

50 vagas gratuitas para professores de escolas públicas e educadores sociais selecionados por ordem de inscrição através do Formulários Google

30 vagas afirmativas (pessoas pretas, pardas, amarelas, indígenas, ciganas, transexuais/travestis, com deficiência e pessoas com rendimento médio mensal de até dois salários mínimos). 

DIAS E HORÁRIOS

Datas: 18, 20, 25 e 27 de setembro 

Horário: das 19h às 21h

PREÇO

Inteira: R$ 100,00
Meia: R$ 50,00
Amigos e patronos da Pina: R$ 90,00

INSCRIÇÕES

As inscrições devem ser feitas pelo site da INTI.

Professores de escolas públicas e educadores sociais podem solicitar inscrição para as 50 vagas gratuitas. Basta preencher o formulário. A seleção é feita por ordem de inscrição.

PROGRAMA DE AULAS

Aula 1 – Modernismo e cosmopolitismos — 18 de setembro 

Na primeira aula, abordaremos a arte das primeiras décadas do século XX a partir de suas relações com projetos de modernização dos países latino-americanos. Aproximadamente 100 anos depois das independências nacionais, as estruturas coloniais ainda organizavam a vida social e os artistas buscaram revelar e criticá-las, além de imaginar e propor novas realidades pautadas no poder popular, na modernização econômica e na experiência urbana. Discutiremos esses aspectos em obras de artistas como José Guadalupe Posada, Leopoldo Méndez, Rafael Barradas, Ramón Alva de la Canal, Fermín Revueltas, Tarsila do Amaral e Joaquin Torres-García.  

Aula 2 – Modernismo e etnicidades  20 de setembro 

Na segunda aula, iremos acompanhar trabalhos de artistas que responderam à necessidade de transformação das estruturas coloniais de seus países com imagens que reivindicavam memórias e culturas excluídas da história nacional oficial, reelaboravam experiências de pertencimento e identificação e propunham novos sentidos e valores populares para a construção da modernidade, muitas vezes aproximando sentimentos nativistas e engajamento revolucionário. As discussões da aula tomarão como base obras de artistas como Pedro Figari, José Sabogal, Julia Codesido, Diego Rivera, David Siqueiros, Frida Kahlo, Wilfredo Lam e Carlos Mérida.  

Aula 3 – Abstração e tendências construtivas 25 de setembro 

Na terceira aula, nossa atenção estará voltada para as produções abstracionistas e concretistas marcantes em praticamente todos os países latino-americanos em meados do século XX. Essas produções derivaram em proposições ambientais e participativas a partir dos anos 1960, abriram espaço para o experimentalismo e se conectaram com as transformações econômicas e sociais do segundo pós-guerra. Veremos como novos repertórios industriais, comunicacionais e urbanos foram reelaborados nos contextos periféricos latino-americanos por artistas como Yente, Loló Soldevilla, Juan Melé, Tomás Maldonado, Gyula Kosice, Hélio Oiticica, Gego e Carlos Cruz-Diez.    

Aula 4 – Conceitualismo e práticas contemporâneas 27 de setembro 

Na quarta aula, iremos abordar artistas que transitaram ou ainda transitam por práticas que tem sido chamadas de conceitualistas, que lidam com procedimentos não especificamente artísticos e intervêm em espaços públicos e estruturas discursivas por meio de ações e objetos, frequentemente visando repercussões políticas. Nos contextos latino-americanos, esses artistas levantaram questões sobre a violência de estado nas ditaduras, a violência social cotidiana e seus processos de apagamento. Nas aulas veremos obras como as de Graciela Carnevale, Lotty Rosenfeld, Artur Barrio, Marta Minujín, Doris Salcedo, Teresa Margolles, María Magdalena Campos-Pons e Oscar Muñoz.  

SOBRE A PALESTRANTE

PATRICIA CORRÊA

Mestre e doutora em História pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, com estágio na Tisch School of Arts da New York University e especialização em História da Arte e da Arquitetura pela Universidad Politécnica de Cataluña. É professora associada do Departamento de História e Teoria da Arte na Escola de Belas Artes da Universidade Federal do Rio de Janeiro e do Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais da mesma universidade. Atua em ensino e pesquisa nas áreas da história, teoria e crítica da arte, com ênfase em arte moderna e contemporânea no Brasil e nas Américas. Integra o grupo de pesquisa do CNPq Geopolíticas institucionais: arte em disputa a partir do pós-guerra. 

MAIS INFORMAÇÕES

O curso terá certificado e será realizado em formato online via Zoom. O link de acesso a sala online e demais informações para início do curso serão enviadas com e-mail de confirmação de inscrição.  

A pessoa aluna deverá usar o mesmo e-mail ou mesmo nome cadastrado no ato da compra para acessar a sala online, do contrário não será possível realizar o cadastro e acesso à plataforma Zoom e os recursos disponíveis para transmissão da aula. Eventuais trocas de e-mail feitas após a compra devem ser comunicadas à organização do curso até 2 dias antes do início do curso. 

O curso é online, fornecido no formato síncrono, ou seja, ao vivo. As aulas serão gravadas e disponibilizadas para os alunos regularmente inscritos após o encerramento do curso e por período limitado. A equipe Pina Cursos compartilhará o link de acesso dos vídeos por e-mail e prazo de acesso.  

A declaração de frequência será emitida após o término do curso. Participantes que obtiverem 75% de presença durante o curso, ou seja, logados no momento da transmissão do curso. O acesso aos vídeos das aulas do curso não será considerado na contagem de frequência. 

A inscrição é pessoal e intransferível. Em caso de inscrição-presente, no momento da matrícula o pagante deve incluir os dados da pessoa convidada e informar a organização do curso sobre tal inscrição-presente, de modo a evitar possíveis equívocos de cadastro ou de compartilhamento dos conteúdos de estudo. 

A utilização de meia-entrada é concedida a: estudantes, professores, pessoas com 60 anos ou mais e funcionários de instituições culturais (limite de até 5 funcionários de uma mesma instituição). 

Materiais complementares como, bibliografia do curso, PDFs, links de vídeos indicados pelas professoras, serão compartilhados através de uma pasta virtual, gerenciada pelo professor e a coordenação do curso. O material ficará acessível por tempo limitado. 

Pedidos de cancelamento ou transferência serão aceitos até a véspera de abertura do curso. 

Pedidos de cancelamento ou transferência, enviados após início do curso, não serão considerados, visto a necessidade de organização das atividades. 

 O curso poderá oferecer interprete/tradução em Libras e audiodescrição. Esses recursos de acessibilidade poderão ser solicitados por e-mail até 5 dias antes do início do curso. 

Mais informações no site da Pinacoteca ou pelo e-mail cursos@pinacoteca.org.br. 

Assine nossa Newsletter

e acompanhe nossa programação

.

    Clicando em "Aceito todos os Cookies" ou continuar a navegar no site, você concorda com o
    armazenamento de cookies no seu dispositivo para melhorar a experiência e navegação no site.
    Consulte a Política de Privacidade para obter mais informações.

    Aceitar todos os Cookies